Como Detectar Drogas no Sangue

O exame toxicológico pode ser realizado de várias formas, a partir de amostras de sangue, urina ou queratina (cabelos, pelos ou unhas). Cada uma dessas análises tem uma janela de detecção e é utilizada em momentos diferentes.

No exame de urina é possível detectar drogas consumidas, em média, nos últimos 5 dias. O que é feito com amostras de queratina, tem uma janela de detecção maior e consegue identificar o consumo de drogas de até 180. Mas, se você quer saber como detectar drogas no sangue, vamos te explicar melhor como é feita a coleta, a janela de detecção e em qual momento esse exame é mais utilizado. Olha só!

Exame toxicológico com amostras de sangue

Dentre os exames toxicológicos, o realizado com amostras de sangue é que detecta a presença de drogas em menos tempo e, também, com uma janela de detecção menor. Ele é comumente utilizado para saber se alguma pessoa está sob efeito de drogas naquele exato momento da análise, pois ele só identifica as substâncias consumidas nas últimas horas, em alguns casos até um dia, no máximo.

Como o sangue é um tecido líquido que têm como uma das funções levar as toxinas para serem eliminadas por meio de órgãos, o processo de desintoxicação é muito rápido. Por isso, não serve para identificar a presença de drogas no organismo consumidas a dias atrás, mas sim nas últimas horas.

Drogas detectadas no exame de sangue

O exame toxicológico feito com amostras de sangue consegue detectar diversas drogas ilícitas em sua análise, mesmo que em um tempo reduzido de consumo se comparado com outros testes.

A anfetamina e heroína podem ser detectadas por cerca de 12 horas após o consumo. A metanfetamina pode ser identificada de 24 a 36 horas. O LSD de 2 a 3 horas e a morfina de 6 a 8 horas.

Já a maconha pode ser identificada cerca de duas semanas depois no exame de sangue e a cocaína e o ecstasy em até 1 ou 2 dias.

Passados esses períodos, já não há como detectar drogas no sangue e seria necessário um exame toxicológico feito com amostras de urina ou queratina (cabelo, pelos ou raspas das unhas).

Com essas informações sobre como detectar drogas no sangue, você já sabe que esse método é utilizado, comumente, para avaliar se naquele momento uma pessoa está sob efeito de drogas e sabe também porque sua janela de detecção é pequena. Mesmo assim, a análise feita com amostras de sangue é muito solicitada.

Se quiser saber mais sobre exames toxicológicos, continue acompanhando o blog da Psychemedics, a empresa líder mundial no segmento!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *