Exame Toxicológico para Esportes

Você já deve ter ouvido falar bastante sobre exame toxicológico para esportes, não é? Essa análise, muito conhecida como antidoping, é ainda mais comentada em épocas de campeonatos, principalmente em Olimpíadas.

O teste, basicamente, tem como objetivo identificar se o atleta fez ou faz uso de substâncias proibidas para competir. Essas drogas detectadas não podem comprometer a saúde ou melhorar o desempenho do atleta, nem prejudicar o espírito esportivo.

Conheça as substâncias vetadas

Todos os anos, a WADA (Agência Mundial do Antidoping) divulga a lista completa das substâncias que têm o uso vetado aos atletas e devem ser cumpridas rigorosamente. Essas drogas estão classificadas em quatro grupos.

Estimulantes

Essas substâncias agem diretamente no sistema nervoso do atleta e conseguem potencializar o seu desempenho. Com esse estímulo, além de melhorar a performance, o esportista ainda elimina a sensação de fadiga no corpo. A anfetamina, cocaína e ecstasy estão entre as mais usadas nesta categoria.

Diuréticos

Os diuréticos são proibidos pela WADA porque eliminam água e podem fazer os atletas perderem peso, somente para passarem na pesagem do campeonato, muito comum no UFC. Além disso, essa substâncias ajudam a disfarçar e eliminar outras drogas proibidas do organismo.

Esteróides Anabolizantes

Esse tipo de substância faz com que o atleta tenha uma recuperação mais rápida e ainda estimula o ganho de massa muscular. Dentre todos os elementos vetados pela WADA, este é o mais nocivo.

Narcóticos Analgésicos

Na categoria de narcóticos analgésicos está a conhecida morfina. Essa substância é responsável por amenizar a dor com mais rapidez.

Como funciona o exame toxicológico para esportes

O exame toxicológico para esportes pode ser feito com amostras de sangue ou urina. Mas,não são todos os atletas que fazem essa análise. Na verdade, existe a comissão de esporte escolhe os atletas que farão o exame. Os critérios podem ser alguma desconfiança, o bom desempenho em uma competição ou um simples sorteio, inclusive um atleta pode ser procurado para realizar o teste mesmo fora do período de campeonatos.

Caso o exame toxicológico para esportes aponte um resultado positivo, o atleta tem direito a contraprova e, por isso, no dia do teste são coletadas duas amostras. Confirmado o doping, o esportista é punido com suspensão e, algumas vezes, anulação de resultados de outros campeonatos.

O exame toxicológico para esportes é muito importante para garantir a igualdade nos campeonatos. Agora que você já conhece o teste antidoping, conheça outros tipos de exames toxicológicos no site da Psychemedics!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *