Notas & Notícias

Motoristas de caminhões e ônibus de SP voltam a fazer exame toxicológico por causa da sua obrigatoriedade.

Justiça Federal derrubou liminar que suspendia o exame  toxicológico  em São Paulo. Estudo mostra que o teste toxicológico pode salvar 300 mil vidas.

Motoristas de caminhões e ônibus de SP voltam a realizar o exame toxicológico por causa da liminar derrubada nessa ultima semana, concedente a obrigatoriedade para todas os motoristas a realizar o exame.

Justiça Federal derrubou liminar que suspendia o exame toxicológico em São Paulo com base em estudos que mostram a eficácia que o teste toxicológico pode prevenir mais de 300 mil acidentes em 25 anos, comprovado que grande parte dos acidentes são ocorridos por causa dos consumos excessivos de substancias psicoativas, para fazer os motoristas realizarem os suas jornadas trabalhistas em menor tempo.
O exame toxicológico que detecta o uso de drogas por caminhoneiros e motoristas de ônibus passou a ser exigido nesta semana em São Paulo por conta da Lei 13.103 mais conhecida como a Lei dos Caminhoneiros. A Justiça Federal derrubou uma liminar que suspendia o exame com base em estudos sobre a precaução que os exames toxicológicos podem impactar na diminuição de acidentes nas estradas envolvendo caminhoneiros.
Na maioria dos estados, já estava valendo a exigência dos exames toxicológicos de larga detecção desde março. Um estudo mostra que o exame pode salvar 300 mil vidas em 25 anos.

 

Fonte: G1.globo.com –  21/07/2016